Seival by Miolo:uma surpresa brasileira na Casa Tricana

casta portuguesa integrada na Campanha

Seival by Miolo Tempranillo
Surpreendente, aveludado e frutado, ao mesmo tempo tem aromas da região da Campanha, mel, pimenta, cafe, e um pouco de couro ao abrir, o que caracteriza o vinho da região..

Vinho elaborado com uvas da variedade Tempranillo cultivadas na região da Campanha Meridional. Este vinho apresenta uma intensidade de cor média com tonalidade vermelho rubi, de aroma frutado, ressaltando frutas vermelhas maduras.
VinhA
Região Solo
Clima Variedades Colheita
Campanha Meridional/RS
Arenoargiloso de topografia plana com leves ondulações Quente e subúmido
Tempranillo
Mecânica
ViniFiCAçãO
– Desengace total dos cachos, sem esmagamento;
– Maceração pré-fermentativa a frio por 2 dias;
– Fermentação alcoólica e maceração a temperatura controlada de 24 a 26°C, com apropriada gestão da extração polifenólica através de remontagens abertas, fechadas, pigeages e delestages;
– Descube por gravidade e separação do vinho flor do vinho prensa;
– Fermentação malolática espontânea e completa;
-Breve estágio em barricas de carvalho.
AnáliSE SEnSORiAl
Visão Olfato Gosto
Coloração vermelho-rubi intenso com traços violáceos. Aroma muito frutado, com complexas notas de carvalho. Vinho de boa estrutura com taninos elegantes e persistentes.
Temperatura ideal: 16oC

hARMOnizAçãO
A tanicidade do vinho não é compatível com o amargor das carnes bem passadas, assim como seu teor alcoólico. Desaconselha-se que seja servido com alimentos ácidos ou comidas muito salgadas, por contraposição a melhor harmonização seria feita com comidas untuosas e suculentas. Assim é ideal para arroz carreteiro, carne de panela, dobradinha, feijoada carioca, macarrão ao ragu, arroz de frango caipira, frango com quiabo, baião de dois, rodizio de massas, pizzas clássicas e queijos maturados de massa semidura.

Almadén Tannat 2014 by Miolo

Com este calor infernal de verão do final dos tempos, tomar vinho se limita aos ambientes climatizados. E para os amantes do vinho e da boa mesa, neste calor é muito importante saber que o teor alcoólico na garrafa significa que o vinho tinha essa graduação alcoólica no ato do engarrafamento. E por um bom período, antes de oxidar, continua a converter açúcares em álcool. Então, os vinhos com 12%, de 2014, por exemplo, devem ter algo entre 12,5 e 13 graus hoje. Os vinhos para consumo diário, são produzidos para serem consumidos rápido e nao para guardar na adega. A tampa de rosca indica isso, e não que se trate de um produto inferior, muito pelo contrario. E a grande supresa ao experimentar o Almadén Tannat 2014 foi a consistência e suavidade dos taninos, o aroma do terreno da fronteira com Uruguay. Como uruguaio nativo, o gosto do Tannat sempre foi associado a parillada, carnes. Mas este brasileiro alem de nao deixar nada a dever, tem o frescor, aroma de um vinho para ser tomado com carnes, frutos do mar, cozidos, massas. Situada no Paralelo 31, a 210 metros do mar, a vinícola recentemente comprada pela Miolo Wine Group, produz agora vinhos com uvas da região sul, assim como os produzidos com uvas da fazenda da Miolo na Bahia, na região do Rio Sao Francisco, onde são produzidos vinhos e espumantes premiados. Mais uma vez parabéns ao pessoal da Miolo, e do Carrefour Barra da Tijuca, Adriano Henrique, o responsável por trazer para a prateleira uma opção de qualidade viti vinícola, com um precinho camarada.